sábado, 19 de novembro de 2011

Gosto dela


Quando está irritada e não diz coisa com coisa, quando está contente, quando vou levá-a aos treinos ou aos jogos, quando faz blocos, quando faz pontos, quando joga bem ou quando joga mal, quando me pede para a ir buscar à escola, quando me pede para fazer um bolinho, quando deixa a casa de banho toda desarrumada, quando me acorda com o despertador dela, quando ainda não lhe passou o mau humor matinal, quando vem ao pé de mim e me abraça, quando me diz como foi o dia, quando tira boas notas.
Gosto muito dela. Dela, da minhã irmã.

7 comentários:

Maria disse...

Eu tenho uma relação digamos que diferente com a minha irmã. Somos o completo oposto, por isso por vezes é que nos damos tão bem e temos tantas histórias para contar...
Irmã é irmã :)

Ervilha Coscuvilha disse...

Oh, sinto o mesmo pela minha irmã! São a melhor coisa :')

dayaday disse...

Em relação ao primeiro comentário: "Muito bonito.. Sera que o melhor é esquece-lo?" Fizeste essa pergunta porque achas que o que devo fazer e não o esquecer? Porque?

Sim.. Bolonha dá cá um trabalhão... xD MAs só senti Bolonha (desculpa mas esta palavra faz-me rir. Faz-me lembrar massa à bolanhesa! Xd) no segundo ano... è muito relatório para entregar, muito trabalho, muitos teste... =/ FArtinha disto tudo. Mas vai passar.

Mesmo com tantos defeitos, todos nós gostamos muito dos nossos irmãos... =D

100 Pretensões disse...

Como te compreendo,sinto o mesmo pelas minhas :)
**

dayaday disse...

Já fui. (: Não respondeste à minha pergunta no outro comentário que te fiz =/

Suzi disse...

que singelo ^^

Green disse...

E ter irmãos mais novos é tão bom :)